Dolomitas, a viagem falhada

O primeiro ponto e escolhido a favorito de toda a viagem, Dolomitas. Os Alpes italianos, montanhas cobertas de neve rodeadas das mais bonitas paisagens. Lagos encantados, todo o cenário parece saído de filmes. Um dos destinos mais exuberantes da Europa, parte do património Mundial da UNESCO.

Poucas horas se passaram desde o início desta aventura e já tinha percebido o quão mal iria correr. Esperava frio, talvez alguma chuva, esperava até ver neve no topo das montanhas.
E tempestades de neve? Quem previu essa parte?
Eu não previ de certeza, tal como não aprendi como colocar correntes nos pneus do carro, ou tal como nem fazia ideia que poderia ficar presa numa montanha sem avistar qualquer sinal de seres vivos a kms de distância.
Continuar a conduzir a 10 km/h a deslizar pelas estradas ou parar e ficar com o carro subterrado tal como os que estavam estacionados em frente a casas? Decisões complicadas em momentos que não sabemos como agir. Afinal ver nevar é lindíssimo, mas acho que para a próxima prefiro ver fechada numa casa, segura, em vez de estar numa estrada completamente perdida.

Os lagos que tanto ansiava ver, estavam congelados. As estradas cortadas, árvores caídas, casas subterradas e chão? nem vê-lo.
As paisagens eram incríveis, todo o branco ao meu redor, a neve a cair, que sensação de paz. Foi bonito durante algum tempo, até deixar de ser. Iria ficar hospedada no meio da montanha, num dos alojamentos mais bonitos de sempre, mas que paguei sem nunca chegar a ver.
Os acessos estavam cortados, árvores caídas, era demasiado perigoso para que fosse possível circular. Andei horas pelas montanhas, percorri kms, tentei todas as estradas possíveis até perceber que não iria conseguir chegar ao destino.
Tive de desistir e escolher um novo trajeto. Chateada e completamente desconsolada por não conseguir visitar o que mais queria.

Para quem pensa visitar as Dolomitas, tenham especial atenção à altura do ano que escolhem. Eu visitei no fim de Novembro e se soubesse teria escolhido visitar os Alpes italianos em outra altura. Verifiquei a meteorologia todos os dias durante uma semana antes de levantar voo, mas acho que tive apenas azar de ter apanhado tempestades de neve.

Em todas as viagens há sempre algo a correr mal e posso dizer que foi uma aventura do início ao fim, foi divertido, mas também stressante, temi pela vida algumas vezes, chateei-me, irritei-me, foram momentos engraçados.
Era a minha terceira vez neste país, mas as minhas expectativas eram altíssimas para este destino nunca antes visitado.
Infelizmente pouco consegui visitar e assim sendo pouco me resta, senão marcar uma nova viagem para este incrível destino que faz parte do património mundial da UNESCO.

Podem aproveitar os meus descontos enquanto reservam as vossas viagens ✈️

Reservar Alojamento

Aluguer de carro

Seguro de viagem

Cartão Revolut


Deixar uma resposta